• Diamantino, 22/04/2018
  • Dólar: R$
  • Euro: R$
  • Fonte Yahoo Exchange
TV

A guerra ficou feia: Sky desliga sinal de canais antes do prazo 986

Assinantes da TV paga já não conseguem assistir a Record, SBT e Rede TV! em Brasília


Já era oficial, e agora é realidade – pelo menos, em Brasília. A operadora de TV por assinatura Sky cortou o sinal de Record, SBT e RedeTV! na capital federal nesta segunda-feira. A operadora se antecipou, portanto, ao prazo determinado pelas emissoras para deixar de exibir sua programação na TV paga (NET, Claro, Embratel, Vivo, Oi e Sky), que era de 29 de março.

O dia 29 não havia sido escolhido ao acaso: é quando o sinal analógico será desligado em São Paulo. A Sky, então, em uma contra-ofensiva, retirou os canais antes em Brasília, onde o sinal analógico foi desconectado no dia 17 de março.

Em nota enviada a VEJA, a Sky confirma o desligamento dos sinais e “esclarece que essa foi uma decisão unilateral dos canais, expressa em carta recebida em 24/03/17?. De fato, as emissoras tentaram pressionar a negociação ao veicular anúncio informando sua decisão. A maior reclamação das três emissoras era que as empresas de televisão fechada não concordaram em pagar pelos direitos de transmissão do sinal digital de seus canais, procedimento natural para exibir a programação de TVs nacionais e estrangeiras.

No fim de semana, contudo, Record, SBT e RedeTV! criaram a campanha #QueremosContinuarComVC, com vídeos de seus principais apresentadores, como Luciana Gimenez, Ratinho e Rodrigo Faro, para defender a continuidade da presença dos canais em pacotes pagos. Luciana, por exemplo, diz que não é justo que as operadoras não queiram pagar pelo conteúdo da TV aberta e convida seus fãs a cobrarem uma posição de seu serviço de TV paga.

Veja também

DESEMPREGO MT corta 3 mil vagas de emprego em março
ATÉ 4 DE MAIO INSS convoca para perícia 152 mil beneficiários de auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez
SUSPENSO Santa Casa suspende atendimento pelo SUS e Prefeitura promete repasse até sexta
PAVIMENTAÇÃO DA MT-130 Fiscalização do TCE evita sobrepreço e reduz edital em R$ 4,3 mi
ELEIÇÕES A seis meses do 1º turno, eleitor tem 30 dias para transferir, atualizar ou emitir título eleitoral
HOJE Termina hoje prazo para servidores interessados em concorrer às eleições
Publicidade

Copyright © 2013 - 2018 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados