CAPACITAÇÃO

Projetos desenvolvidos pela Aprosoja MT podem ser incluídos na grade curricular em curso da UFMT 370


Projetos e programas desenvolvidos pela Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT), como o Soja Plus, podem ser incluídos na grade curricular do curso de agronomia da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). A instituição de ensino avalia tal inclusão para que os acadêmicos tenham uma relação mais direta com a realidade do campo.

A possibilidade do curso contar com projetos e programas da Aprosoja em sua grade curricular foi discutida na última semana entre a coordenadora do curso de Agronomia da instituição, Aline Regina Piedade, o vice-presidente da entidade Elso Pozzobon e a gerente de Pesquisa e Gestão de Propriedades da associação, Cristiane Sassagima.

A intenção sa universidade Federal de Mato Grosso é que os alunos tenham uma relação mais direta com a realidade do campo e entendam como podem desenvolver futuras atividades.

"Como ela dá as disciplinas de Empreendimento Agrícola e Legislação Agrária e Ambiental, a meta é que esses alunos tenham exemplos práticos da aplicabilidade dos temas estudados", pontua  gerente de Pesquisa e Gestão de Propriedades da Aprosoja, Cristiane Sassagima.

A coordenadora do curso de Agronomia da instituição, Aline Regina Piedade, destacou no encontro que assuntos relacionados à Norma Regulamentadora 31 (NR31) já fazem parte da grade curricular do curso de agronomia da UFMT. Dentre os projetos e programas que podem fazer parte da grade, está o Soja Plus, que trabalha gestão contínua de propriedades rurais e legislação ambiental.

Outro programa que pode entrar na grade é o Referência, que trata-se de um software desenvolvido para associados com foco na gestão financeira de seus negócios.

Conforme a Aprosoja-MT, há ainda a possibilidade de aulas teóricas in loco na entidade.

Veja também

CÁCERES MP aponta irregularidades e tenta anular processo seletivo
VLT Trens do VLT podem parar na África e secretário diz ser possível operar trecho até o fim de 2018
BOLADA Mega-Sena acumula e pagará prêmio de R$ 32 milhões
SAÚDE Nobres receberá R$ 1,5 milhão da Votorantim para utilizar na Saúde
DESEMPREGO Desemprego em Mato Grosso atinge menor patamar dos últimos quinze meses
SELETIVO Guarantã no Norte abre processo seletivo para contratação de agentes de saúde; salário de R$ 1,2 mil
Publicidade

Copyright © 2013 - 2017 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados