PERÍCIA

Politec conclui a identificação de cinco vítimas de acidente na BR-364 551


Fotografia: Reprodução

As cinco vítimas da colisão envolvendo um veículo de passeio e uma carreta, ocorrido no último domingo (6) na BR-364, foram identificadas pela Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec).

Após a primeira identificação odontolegal, de uma criança de 11 anos, na quarta-feira (9), os exames de identificação genética das outras quatro vítimas foram finalizados.

Devido ao estado de carbonização dos corpos, não foi possível identificar nenhuma vítima por meio das impressões digitais.

As equipes de peritos criminais da Diretoria Metropolitana de Laboratório Forense realizaram plantões extraordinários para concluírem os exames de modo a não prejudicar o andamento dos exames mais antigos.

Para a identificação por meio do DNA, foram coletadas amostras de referência dos familiares e submetidos ao procedimento de comparação genética, com as amostras padrões das vítimas, encaminhadas pela Diretoria Metropolitana de Medicina Legal.

As vítimas identificadas são Emily Nayara de Sousa Almeida, Tayla Rebeca Malaquias Ambrósio, Bruna Samara de Souza, Neurici Malaquias Moreira e Valdemir Campos Ambrósio.

As vítimas identifcadas eram dois adultos e três crianças. Os adultos eram Valdemir Campos, de 41 anos, e Neurici Malaquias, de 33 anos. As crianças tinham dois, 10 e 11 anos, e foram identificadas como Emily Nayara de Sousa Almeida, Tayla Rebeca Malaquias Ambrósio e Bruna Samara de Souza. A menor era filha do casal e as outras duas eram parentes.

O acidente

Segundo a Rota do Oeste, concessionária responsável pela administração da BR-364, uma Scania vermelha 380 bateu de frente com um HB20 branco.

Com o impacto a carreta, que seguia sentido sul, tombou na faixa de domínio. E o carro de passeio, que seguia sentido norte, também saiu da pista, pegando fogo logo após a colisão.

Os cinco ocupantes do HB20 morreram no local. Os adultos ficaram presos às ferragens e foram carbonizados. Já as crianças foram arremessadas, mas também sofreram queimaduras. O motorista da carreta saiu ileso.

Segundo informações de testemunhas, o carro de passeio teria invadido a pista contrária, mas somente a perícia poderá confirmar a causa real do acidente.

A carreta estava carregada de soja e parte da carga foi derramada ao lado da rodovia.

A concessionária encaminhou uma equipe médica, uma equipe de inspeção, guincho e caminhão-pipa ao local.

Veja também

EMPREGO Brasil abre 34,4 mil novas vagas de trabalho em setembro
VLT MT já pagou R$ 600 mil do empréstimo
DIA DO IDOSO Secretaria realiza confraternização especial para cerca de 500 idosos
SELETIVO Prefeitura de Nobres abrirá processo seletivo para vários cargos
NINGUÉM GANHA Ninguém ganha e prêmio da Mega Sena acumula
PODE PARALISAR Governo deve mais 900 mil para o hospital regional de Diamantino e mais 10 municípios são afetados
Publicidade

Copyright © 2013 - 2017 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados