• Diamantino, 14/12/2017
  • Dólar: R$
  • Euro: R$
  • Fonte Yahoo Exchange
EM DIAMANTINO

Radio FM será sintonizada em Diamantino garante empresário 222


Fotografia: Reprodução

O Grupo Gazeta de Comunicação protagoniza nesta segunda-feira (9) mais um momento histórico dentro da trajetória do rádio mato-grossense. Às 8h acontece a inauguração e lançamento oficial da Vila Real FM (antiga CBN AM), cujo diferencial fica claro já em seu slogan: “Sertaneja de Verdade”. Significa que o estilo musical com suas muitas variações estará presente durante todos os dias, com especial espaço para a música raiz e os nomes que ajudaram a construir sua história de sucesso. Sem perder de vista também uma característica forte em sua fase anterior, o jornalismo de qualidade.

Segundo o presidente do Grupo Gazeta, João Dorileo Leal, a opção por lançar uma rádio essencialmente sertaneja levou em conta aspectos como a projeção que o estilo conquistou não só em Mato Grosso, mas em âmbito de país. “Já há alguns anos o sertanejo é o segmento que mais leva público a shows, gira um PIB extraordinário e há cada dia mais e mais artistas nessa área. E nós temos um estado com muito agronegócio. É um estado agropecuário, que tem raízes muito mais próximas do sertanejo do que qualquer outro estilo musical”, argumenta.

Dorileo ressalta que serão contemplados tanto os grandes clássicos, o chamado sertanejo raiz, como as músicas mais atuais. “A programação foi muito bem delineada. Tem horários que você vai ter um percentual maior de músicas raiz, mais antigas, e horário que vai ter o sertanejo universitário, mais jovem, mas sem deixar de tocar os clássicos. Nós queremos fazer um resgate do pessoal que começou essa história lá atrás e ajudou o sertanejo a chegar neste momento especial”, explica. A decisão já se mostrou acertada, pois mesmo na fase experimental a repercussão foi a melhor possível, conta.

Ele cita como exemplo da proposta um programa que irá ao ar aos domingos, às 7h: “Seu Ídolo Não Morreu”. “É para não perdermos de vista artistas como Tião Carreiro, Zé Rico, Chico Rei, Léu (da dupla Liu & Léu) e tantos outros que fizeram sucesso e são precursores da música sertaneja de raiz, que nos deixaram e às vezes são esquecidos. Esse programa será dedicado a isso. Esse equilíbrio que estamos dando está fazendo a diferença. As pessoas estão gostando porque está contemplando todos os gostos”, reitera.

Outro diferencial apontado por Dorileo é a manutenção de um jornalismo ágil e de qualidade. De segunda a sexta, ele comanda as manhãs, das 7h às 11h, primeiro com Edivaldo Ribeiro como âncora, depois Michely Figueiredo, já bem conhecidos pelo trabalho realizado na antiga CBN. “Nós vamos praticar um jornalismo muito forte, de debate, de opinião e um jornalismo polêmico, sem abandonar a interatividade com o público”, adianta. Além da reportagem na rua, serão promovidos debates sobre os assuntos do momento, com comentaristas que serão acionados por telefone.

Outro diferencial, acrescenta Dorileo, é a qualidade e abrangência do sinal. “Nenhuma rádio no estado tem a potência e o alcance que ela vai ter. Ela vai ultrapassar os 400 km de Cuiabá, com uma qualidade excepcional”, destaca o presidente. Isso é importante, segundo ele, porque assim se poderá atingir o fazendeiro, o trabalhador da zona rural. “Estamos recebendo telefonemas de Tangará da Serra. Fui a Alto Taquari, cheguei perto de Rondonópolis e ouvia a rádio normalmente”, exemplifica.

Dorileo estima que tenham sido gastos cerca de R$ 1,5 milhão para deixar a Vila Real FM pronta para entrar no ar. Os estúdios foram reformados, ganharam mobiliário e equipamentos novos. Só de transmissores e antena foram R$ 1,2 milhão. “É uma rádio toda nova”, frisa.

Com a Vila Real FM (98.3 Mhz), a recém-inaugurada Cultura FM (90.7Mhz), dedicada a um perfil de público adulto-contemporâneo das faixas A e B, e a Gazeta FM (99.9 Mhz), atualmente a campeã de audiência, o grupo passa a oferecer opções para diferentes segmentos de público. “Assim nós temos públicos bem definidos e poderemos ter uma atuação mais focada em cada uma delas”, salienta o vice-presidente comercial Carlos Dorileo. “Isso ajuda muito o comercial. Com um alcance e uma qualidade dessas você tem certeza do retorno, pois um número grande de pessoas é atingido. Você passa a ser um produto interessante para quem anuncia”, analisa.

De acordo com o executivo, um levantamento prévio com base na área de abrangência do sinal, mostra que há possibilidade de atingir quase dois milhões de habitantes. “Fui até Diamantino, subindo serra, descendo serra e não tinha interferência nenhuma”, comemora.

Veja também

ACIDENTE Três pessoas ficam feridas em colisão na BR-163
Dezembro Vermelho Ações do Dezembro Vermelho de Diamantino é publicada no Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Mato Grosso
DECORAÇÃO NATALINA Natal Luz é realizado pela prefeitura, o evento contou com participação expressiva da população
ACIDENTE Homem tem moto arrastada e fica gravemente ferido após colidir com ônibus em cruzamento
EM ROSÁRIO OESTE Homem morre ao lado da BR 163
KITS Prefeitura de Diamantino contempla 21 famílias com kits de construção
Publicidade

Copyright © 2013 - 2017 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados