• Diamantino, 22/04/2018
  • Dólar: R$
  • Euro: R$
  • Fonte Yahoo Exchange
AUMENTO

Petrobras aumenta preço médio do gás de cozinha em 8,9% 161


Fotografia: Reprodução

A Petrobras anunciou esta semana o sexto aumento consecutivo no preço dos gás de cozinha vendido em botijões de 13 quilos. A alta, de 8,9% em média nas refinarias, passa a valer a partir de terça-feira (5), e deve acrescentar 4% no valor cobrado pelas distribuidoras, ou cerca de R$ 2,53 por botijão, isso se forem mantidas as margens de distribuição e de revenda e as alíquotas de tributos.

Em Mato Grosso, atualmente, os preços variam entre R$70,00 e R$105,00, segundo a Agência Nacional do Petróleo (ANP). De acordo com publicação da Folha de São Paulo, desde que a estatal iniciou sua política de reajustes, em agosto, já é contabilizado acumulo 67,8% no preço do gás.

A empresa explica que a alteração foi causada principalmente pela alta das cotações nos mercados internacionais, que acompanharam a alta do Brent. O Sindicato das Empresas Distribuidoras de GLP, Sindgás, informou que o preço praticado está hoje 1,3% abaixo destas cotações.

Como a lei brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, as revisões feitas nas refinarias podem ou não se refletir no preço final ao consumidor. Isso dependerá de repasses feitos especialmente por distribuidoras e revendedores. O ajuste anunciado foi aplicado sobre os preços praticados sem incidência de tributos.

A última mudança ocorreu em 05 de novembro de 2017. A alteração atual não se aplica ao GLP destinado a uso industrial/comercial. A Petrobras informa ainda que as futuras mudanças nos preços do GLP voltado ao segmento residencial nas refinarias estão sendo informadas também por meio do site da companhia.

Veja também

DESEMPREGO MT corta 3 mil vagas de emprego em março
ATÉ 4 DE MAIO INSS convoca para perícia 152 mil beneficiários de auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez
SUSPENSO Santa Casa suspende atendimento pelo SUS e Prefeitura promete repasse até sexta
PAVIMENTAÇÃO DA MT-130 Fiscalização do TCE evita sobrepreço e reduz edital em R$ 4,3 mi
ELEIÇÕES A seis meses do 1º turno, eleitor tem 30 dias para transferir, atualizar ou emitir título eleitoral
HOJE Termina hoje prazo para servidores interessados em concorrer às eleições
Publicidade

Copyright © 2013 - 2018 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados