• Diamantino, 21/05/2018
  • Dólar: R$
  • Euro: R$
  • Fonte Yahoo Exchange
RODOVIAS

Primeiro parto de gêmeos é registrado na BR-163 160

Atendimento foi realizado por socorrista que perdeu filho em condições parecidas


Fotografia: Divulgação

Se a probabilidade de uma gravidez de gêmeos é pequena, a chance do parto acontecer no meio de uma rodovia é menor ainda. O caso inesperado já pode ser contado pela dona de casa Laís Carolina Pereira, 19, que recebeu Heitor e Lorenzo na madrugada desta terça-feira (03), no km 839 da BR-163, em Sinop. O parto realizado com apoio da equipe de socorristas da Rota do Oeste é o 10º desde que a Concessionária passou a atuar em Mato Grosso, em 2014.

Moradora de Cláudia, no norte do Estado, a jovem fazia o primogênito, Emanuel, de 1 anos e 4 meses, dormir, quando sentiu as primeiras contrações. “Eu levantei da cama e percebi. Fiquei preocupada porque moramos longe da cidade. Agradeço muito o apoio que a equipe nos deu. Eu estava realmente calma, porque vi que eles sabiam o que estavam fazendo”, disse.

Com o trabalho de parto iniciado, o marido chamou uma ambulância para levar Laís a uma unidade de saúde da cidade, distante a 35 km do sítio onde moram. Assim que chegaram ao hospital, foram informados de que não seria possível realizar o parto no local, então, foram encaminhados para Sinop.

Quando o primeiro bebê, que levou o nome de Heitor, nasceu ainda na ambulância, o motorista do veículo decidiu pedir ajuda. Ele parou uma viatura da Rota do Oeste que passava pela rodovia e uma equipe de resgate da Concessionária foi acionada. O socorrista Josimar Ribeiro dos Santos, da base SAU 18, de Sinop, lembra que quando chegou não sabia que um dos bebês já havia nascido.

“Quando somos acionados, em geral, é para atender uma ocorrência difícil, um acidente, com feridos e até óbitos, então já vamos preparados para isso. Porém, quando cheguei lá e vi um bebê nascido e a mãe ainda em trabalho de parto, foi algo excepcional. Não imaginava ver isso”, disse Josimar.

Para Josimar, o apoio ao parto de Laís teve um gosto ainda mais especial. Há quinze anos, o socorrista perdeu um filho horas após o nascimento por má formação de órgãos. Ele conta que ver os gêmeos nascerem o fez lembrar da morte, mas também agradecer pela chance de ajudar na chegada de duas novas vidas. “Não tem pagamento maior que esse. Ainda não acredito no que aconteceu. Vai levar um tempo até eu conseguir dormir sem lembrar disso”, conta emocionado.

Além de Josimar, outros dois socorristas da base de Sinop da Rota do Oeste formavam a equipe, Luciana Pelizari e João Augusto França Morais. Os três nunca realizaram um parto antes, muito menos no meio da rodovia. Depois de deixar a mãe no hospital, eles ainda esperaram na unidade até o nascimento do outro gêmeo, o que aconteceu em menos de 10 minutos. “Na maioria das vezes prestamos socorro a quem está quase perdendo a vida. É muito difícil vermos uma ou duas nascendo. Foi bem emocionante para todos nós”, destaca Luciana.

Gerente de Tráfego da Rota do Oeste, Fernando Milléo, diz que a história ficará marcada para a Concessionária, não só por ser o 10º parto, mas por serem de gêmeos, algo que ainda não havia ocorrido. Ele acrescenta que a atuação da equipe foi fundamental para manter a calma da mãe, não prejudicando o nascimento dos bebês. “Temos que estar preparados para qualquer tipo de atendimento. Por dia, são em média 350 atendimentos na rodovia. Um parto, é uma situação atípica, ainda mais de gêmeos. Nosso objetivo é dar a certeza ao usuário de que ele pode acionar a Rota do Oeste que será atendido”, finaliza Milléo.

Veja também

SELETIVO Prefeitura de Santa Rita do Trivelato abre seletivo para contratar professores com salário de até R$ 2,5 mil
SELETIVO Prefeitura lança edital de processo seletivo com salários que chegam a R$ 4,7 mil
VOTO IMPRESSO Eleição 2018 em Mato Grosso terá voto impresso em 363 urnas
CURSOS Secitec abre 160 vagas para cursos técnicos em Cuiabá e VG
PALAVRAS EM TRâNSITO Evento da Unemat recebe hoje à noite um dos principais escritores de MT
ECONOMIA Gás terá reajuste médio de 7,1% nesta terça-feira
Publicidade

Copyright © 2013 - 2018 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados