• Diamantino, 19/04/2018
  • Dólar: R$
  • Euro: R$
  • Fonte Yahoo Exchange
BRECHAS DA LEI

TJ manda soltar médica que atropelou ambulante em Cuiabá 69


Fotografia: Reprodução

O desembargador Orlando Perri deferiu no final da tarde desta segunda-feira (16) o habeas corpus impetrado pela defesa da médica Letícia Bortolini. Ela é acusada de atropelar e matar o vendedor de verduras Francisco Lúcio Maia, 48, na noite do último sábado na Avenida Miguel Sutil, em Cuiabá.

Ainda não há disponível a íntegra da decisão do desembargador, que apontam as razões pela soltura da médica, que está recolhida desde o último domingo (16) no presídio Ana Maria do Couto May. Além disso, ele pode ter convertido a prisão preventiva em domiciliar.

A defesa alegou em seu pedido que Letícia não representa risco a ordem pública, possui residência fixa e emprego. Além disso, apontou que ela tem um filho de 1 ano e 6 meses que necessita de seus cuidados. O entendimento do STF é de que mães com filhos até 12 anos tenham a prisão preventiva convertida em domiciliar.

Letícia vai continuar respondendo pelos crimes de homicídio culposo, embriaguez ao volante e omissão de socorro em liberdade.

Veja também

ERRO EM MATERNIDADE Exame de DNA comprova e juíza autoriza a destroca de bebês
TRÁFICO PM prendeu 2 pessoas com drogas em Nobres
EM NOVA MUTUM Motociclistas auxiliam na busca de Marilene Pereira Ribeiro de 55 anos, desaparecida a sete dias
1º TRIMESTRE Número de homicídios cai mais de 80% em MT
EM ROSÁRIO OESTE Idoso foi preso por homicídio no Assentamento Santa Helena
ROUBO Ladrões armados aterrorizam família na Vila Alta, levam carro, dinheiro e celulares; um deles foi preso
Publicidade

Copyright © 2013 - 2018 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados