• Diamantino, 22/08/2019
EM MATO GROSSO

Ministério Público abre processo seletivo com 126 vagas para estagiários

O exame oferece 126 vagas, destinada para estudantes de nível superior em direito


Fotografia: ilustração

 





O Ministério Público de Mato Grosso (MPE) lançou edital de um processo seletivo para credenciamento de estagiários para atuar nas promotorias do interior do estado.


 


O exame oferece 126 vagas, formação do cadastro de reserva e é destinado para estudantes de nível superior em direito.


 





De acordo com o MPE, as inscrições poderão ser feitas entre os dias 19 e 23 de fevereiro, das 8h às 23h59, exclusivamente pelo site do Ministério Público. O processo seletivo será realizado em etapa única, consistente em uma prova objetiva, de múltipla escolha.


 




A jornada de trabalho é de 25 horas, devendo corresponder ao expediente do MPE e ser compatível com a duração do turno de funcionamento do curso de graduação em que o aluno esteja matriculado.


 




O estagiário receberá auxílio-transporte no valor mensal de R$ 177,07, bolsa de auxílio temporário de R$ 826,35, além do seguro contra acidentes pessoais. A duração do estágio é de até dois anos. Podem se inscrever estudantes a partir do 3º ano do curso de direito ou 5º semestre.


 




A prova será realizada simultaneamente nas comarcas das respectivas cidades previstas no edital, no dia 31 de março, das 9h às 11h, em locais que serão comunicados pela Comissão de Exame de Seleção, quando da divulgação das inscrições deferidas.


 





Os candidatos deverão se apresentar para a prova munidos de documento oficial de identificação original com foto (RG, CPF, CTPS, passaporte), comprovante de inscrição e caneta esferográfica transparente de tinta azul ou presta, com antecedência de 30 minutos do início da prova.







 















Veja também

PAGAMENTO Governo antecipa pagamento de julho e folha suplementar
FAKE DELIVERY Expuseram minha casa e família sem necessidade, afirma Rosa Neide
MIRASSOL D´OESTE Assessor jurídico deve escolher entre cargo público ou advocacia privada
NOTA MT Estado sorteia mais de R$ 500 mil em dinheiro; veja lista dos ganhadores
ABANDONO DE CARGO Servidor grevista deve voltar ao trabalho sob pena de demissão, orienta PGE
DEMISSÃO Governo estuda afastar servidores da educação em greve há 71 dias
Publicidade

Copyright © 2013 - 2019 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados