• Diamantino, 19/02/2019
UHE

Prefeito e vereadores de Juara abraçam a causa da UHE Castanheira e viram as costas para atingidos 1432


Fotografia: Reprodução

O prefeito Carlos Sirena e os vereadores de Juara podem fazer a defesa da instalação da Usina Hidrelétrica Castanheira (UHE), só não podem faltar com a verdade para justificar o empreendimento. Não pode também ignorar as milhares de pessoas que serão desalojadas, retiradas de suas propriedades e lançadas na rua da amargura.


Sirena e os vereadores, ao invés de desprezar pescadores, pequenos, médios e grandes produtores rurais, deveriam estabelecer como condicionante ao apoio à obra o estabelecimento de critérios justos de indenização para as pessoas que serão atingidas.


Já que não tem coragem ou independência política o bastante para dizer não a esse empreendimento que vai causar mais danos socioambientais que benefícios, Sirena, vereadores, entidades representativas e clubes de serviços deveriam, ao menos, tentar garantir os direitos das populações atingidas.


Ser grande não é para gente pequena. Sirena é grande, pena que ainda não descobriu que pode ser útil aqueles que ajudaram construir Juara e hoje estão na iminência de perderem tudo, inclusive a dignidade.

Veja também

PACOTÃO DE MENDES Novato: deputados atuais têm legitimidade para aprovar projetos
Nova Mutum Rosariense Altair Albuquerque é eleito presidente da câmara de Nova Mutum
Wener Santos foi convidado para assumir a Secretaria Adjunta de Cidades
SUSPENSO Justiça derruba atos da Câmara e devolve cargo à prefeita de Denise
BBC Da cadeia, Lula diz que venceria Bolsonaro e acusa Moro de ‘fazer política e não justiça’
HOJE Oposição do executivo vai disputar presidência da Câmara de Acorizal
Publicidade

Copyright © 2013 - 2019 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados