• Diamantino, 25/03/2019
TRÊS PRESOS

PRF apreende mais de uma tonelada de agrotóxicos que iria para Nova Mutum 519


Fotografia: Reprodução



Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 1.050 quilos de agrotóxicos contrabandeados na noite desta segunda-feira (27), na BR-163, em Dourados. Os produtos estavam em meio a carga legal de fertilizantes que era transportada de caminhão de Guairá, no Paraná, para Nova Mutum, em Mato Grosso.


Além de um homem de 62 anos que conduzia o caminhão que levava os agrotóxicos, a PRF prendeu também já em um hotel em Nova Alvorada do Sul, outros dois suspeitos de 39 e 43 anos, que em uma caminhonete faziam o papel de batedores da carga.


Segundo a PRF, foram aprendidos diversos sacos de agrotóxico que totalizaram mil quilos além de dois baldes de um outro defensivo, que totalizou mais 50 quilos. Os produtos eram de origem estrangeira e não tinham qualquer documentação fiscal.


O contrabando foi descoberto em uma fiscalização de rotina dos policiais rodoviários federais no posto instalado na BR-163. Como o condutor do caminhão estava muito nervoso e fornecia informações inconsistentes, foi pedido que ele retirasse a lona do veículo, sendo encontrado o agrotóxico em cima da carga de fertilizantes.


Questionado sobre o contrabando, o motorista acabou revelando que dois homens em uma caminhonete atuavam como batedores da carga e que ele receberia R$ 5 mil pelo “serviço”.


Os veículos apreendidos, bem como o agrotóxico e os três suspeitos foram encaminhados para a delegacia de Polícia Federal em Dourados.


Assessoria



Veja também

EM DIAMANTINO Homem espanca a esposa, a irmã meu ip e diz que pertence ao C.V.MT
EM NOVA MUTUM Polícias Militar e Civil recuperam motocicletas furtadas; duas pessoas são presas
HOJE Briga termina com um ferido em Tangará
EM NOBRES Mulher leva 3 tiros ao chegar em casa; filho de empresário é principal suspeito
Jovem é executado a tiros à queima roupa no bar em Jangada
EMBRIAGUES Jovem joga cerveja em viatura e foge deixando moto para trás
Publicidade

Copyright © 2013 - 2019 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados