• Diamantino, 14/11/2019
REUNIÃO COM PETISTAS

Governador projeta proposta de aumento aos professores, após aprovação de PLC

Petistas Lúdio Cabral, Rosa Neide e Valdir Barranco reunidos com o governador Mauro Mendes, no Palácio Paiaguás



Os parlamentares do PT – deputada federal Rosa Neide e deputados estaduais Lúdio Cabral e Valdir Barranco – se reuniram com o governador Mauro Mendes (DEM) para cobrar uma solução quanto a greve dos trabalhadores da educação que completou 60 dias no último sábado (27). O encontro foi realizado nesta segunda (29), no Palácio Paiaguás. Os deputados estaduais Max Russi (PSB) e Janaina Riva (MDB) acompanharam parte da agenda.



Na reunião, Mauro explicou que o Projeto de Lei Complementar (PLC) que reinstitui os incentivos fiscais, aprovada no sábado, coloca a perspectiva de aumento da arrecadação do Estado a partir de 2020. Com isso, se comprometeu a apresentar uma proposta de um cumprimento da Lei Complementar 510 de 2013 até a próxima quinta (1º). Quando o estudo de impacto da nova legislação for finalizado pela equipe técnica, uma nova reunião entre o governador e os parlamentares será realizada.


O cumprimento da Lei Complementar 510 de 2013, que dobra os salários em 10 anos, é a principal reivindicação dos grevistas. Neste ano, o reajuste seria 7, 69% que o Governo do Estado alega não poder cumprir em função do estouro do limite daLei de Responsabilidade Fiscal (LRF).


Após a reunião, Rosa Neide e Barranco gravaram vídeo comunicando o resultado aos grevistas. Já Lúdio classificou o encontrou como “oportunidade de diálogo e pressão” a favor dos educadores. “Não tivemos proposta objetiva. Continuaremos tensionando até o Governo apresentar uma proposta objetiva”, concluiu.

Veja também

Décimo Recurso arrecadado em mutirão será usado para pagar 13° de servidores, diz Mauro
CANETA AZUL Entenda de onde surgiu o hit ‘Caneta Azul’
HOMENAGEM Botelho evidencia importância dos servidores públicos para MT
INTERNACIONAL Voo entre Cuiabá e Bolívia está ‘empacado’ por exigência de apenas 9 m²; delegado da Receita deve se explicar à AL
ENERGIA Procon-MT orienta consumidores que questionam faturas de outubro
INCRA MT Demitido do Incra, general aponta esgoto e cita Barbudo; deputado nega interesse
Publicidade

Copyright © 2013 - 2019 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados