• Diamantino, 21/09/2019
ALTO PARAGUAI

Deputados se valem de votação secreta para trair Governo Mauro

Emerson Almeida, reprovado por deputados, e José Rodrigues, chancelado por unanimidade para compor Ager-MT


Fotografia: JL SIQUEIRA

Alguns deputados aproveitaram a votação secreta na sessão nesta quarta para, num recado ao governador Mauro Mendes, demonstrar certo descontentamento. Rejeitaram, por 10 a 8, a indicação do advogado Emerson Almeida de Souza à diretoria da Ager-MT.


Enquanto o Palácio Paiaguás recebeu o resultado como uma traição de alguns da base - não sendo possível, por enquanto, identificá-los por causa da votação secreta -, deputados comentam nos bastidores que agiram assim como forma de avisar o Executivo que estão contrariados.


Alegam que o governo não paga emendas e não os reconhece pelo esforço de aprovar praticamente todas mensagens do Executivo, muitas delas tratando de temas polêmicos, que dividiram opinião e trouxeram desgaste político.


O presidente da Assembleia Eduardo Botelho também sentiu-se traído por certos colegas. Acreditava piamente que, assim como com José Rodrigues, aprovado por unanimidade pelos 17 parlamentares presentes, Emerson também passaria com certa tranquilidade pela votação em plenário, o que não aconteceu. Agora, o governador terá de indicar outro nome.

Veja também

SEMELHANTE TCE determina que prefeito e empresa só contratem aprovados em concurso
ALTO PARAGUAI Jovem de 18 anos é preso com ferramentas que havia roubado de residência em Alto Paraguai
CASO LARANJAL Cassação do diploma do presidente da câmara de Diamantino esta na mesa do juiz
ALTO PARAGUAI NOVOS FATOS: MPE move ação em face do ex-prefeito e pede devolução de quase “10 milhões”
SEM SEGURANÇA Bandidos que invadiram casa em Alto Paraguai, fugiram com refém e deixaram produtos em Rosário Oeste
MERECIDO Avenida terá iluminação de Led em Alto Paraguai
Publicidade

Copyright © 2013 - 2019 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados