• Diamantino, 18/08/2022
ARTICULAÇÃO

Cidinho se filia ao PSL para vencer radicais e atrair para o palanque do governador

Aécio Rodrigues considera Cidinho o melhor nome para o PSL apresentar para composição


O ex-senador Cidinho Santos, que estava no DEM,  está assinando ficha de filiação no PSL.  Uma das suas  missões será   adesão  levar a sigla  para o  projeto de reeleição do governador Mauro Mendes (DEM).


Cidinho adere ao PSL com aval do presidente nacional, Antônio Bivar, e do presidente estadual, Aécio Rodrigues, que assumiu o Escritório de Representação de Mato Grosso em Brasília (Ermat).


A reportagem Cidinho confirmou a filiação. Declarou que ingressa no novo partido para somar e que está pronto para ajudar a preparar o PSL para as eleições de 2022.


“Inicialmente, queremos montar boas chapas de deputado federal e estadual. A intenção também é fazer parte do grupo que vai apoiar a reeleição do governador Mauro Mendes. Entro para somar. Vamos conduzindo as articulações”, disse Cidinho.



O Cidinho é uma pessoa apta para disputar qualquer cargo da majoritária. Ele tem bom trânsito com o governador, vice, senadores. O relacionamento dele em Brasília é muito bom  


Aécio Rodrigues

Já Aécio Rodrigues considera Cidinho o melhor nome para o PSL apresentar para composição tanto para vice-governador quanto ao Senado. Por isso, defende que o partido comece a articular sua posição na majoritária o mais breve possível.


“O Cidinho é uma pessoa apta para disputar qualquer cargo da majoritária. Ele tem bom trânsito com o governador, vice, senadores. O relacionamento dele em Brasília é muito bom. Então,  ele está pronto para qualquer cargo. Pode estar em uma suplência, no Senado. A gente está com uma pessoa competente e qualificada para ocupar essas posições”,  pontuou  Aécio Rodrigues na Rádio Capital.


No entanto, para consolidar o apoio a Mauro e emplacar a candidatura majoritária, Cidinho e Aécio Rodrigues precisam derrotar os bolsonaristas mais radicais do PSL como o deputado estadual Gilberto Cattani. O grupo quer se manter na articulação com Podemos e PSC para lançar o deputado José Medeiros (Podemos) ao Senado com aval do presidente da República Jair Bolsonaro e um candidato a governador oposicionista, podendo se os empresários Reinaldo Moraes (PSC) ou Yago Moura (sem partido).

Veja também

ESQUEMA NO DETRAN Ex-deputado admite propina e se livra de ação por improbidade
BENEFÍCIOS ILEGAIS MPE aciona TJ para derrubar VI e RGA de vereadores em MT
ACORIZAL Laudo aponta que assinatura de Benna renunciando à presidência da Câmara foi falsificada
ELEIÇÕES 2022 Eduardo Gomes filia ao Patriota e representará o médio norte
XADREZ ELEITORAL Fim da janela partidária: veja para onde foi cada deputado de MT
PRESTANDO CONTAS Deputado Dilmar Dal Bosco apresenta balanço de ações realizadas em 2021
Publicidade

Copyright © 2013 - 2022 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados